Novo

12 tons de representatividade: a beleza da pele negra na UFRN

Por Ana Beatriz Cordeiro, Ana Clara Neri, Lívia Rodrigues, Manoel Ataide e Marina Lopes




"Beleza está nos olhos de quem vê". Esta frase tão conhecida e tão reproduzida no nosso cotidiano pode ser considerada parte do senso comum. Mas e se a frase fosse substituída por "beleza está nos olhos de quem se vê", ou por "beleza está no coração de quem sente", ou ainda "beleza está em todo lugar” ? No longo e no curto, no alto e no baixo, no branco, no amarelo, no índio, no pardo, e no preto. Beleza está em tudo e todas as coisas. É preciso que esses padrões pré formados do que seria beleza, sejam desconstruídos. Por isso, o Caderno de Pauta traz essa fotogaleria para mostrar que a beleza negra também está no campus da UFRN.                      



Beatriz Nascimento, 19, estudante: "Para mim, beleza é muito mais do que ser. Beleza é sentir, pois como diria Tiago iorc: ela mora no olhar. O belo vai além do padrão Disney de qualidade, é algo que emana de dentro para fora, é mais que estereótipo, é essência." (Foto: Junior Costa/ Grupert)



Anna Glícia, 21, estudante: “Beleza para mim é quando você se aceita do jeito que é. Quando consegue olhar no espelho e ver todas as características com as quais você
nasceu, se sentir bem com aquilo e sair de cara limpa para o mundo. Isso é beleza”. (Foto: Ana Clara Neri/Grupert).



Carl Carew, botânico de plantas medicinais, Guiana: “[Para mim beleza  é] viagem. Gosto das diferentes partes da viagem. Trabalho muito na Amazônia, então eu gosto do andar no barco que viaja por 5 dias até o Peru ou Colômbia. Gosto de aventuras, é a minha vida”. (Foto:Ana Clara Neri/Grupert)



Henrique Mendes, 25, professor de Língua Portuguesa e estudante: “Beleza é a expressão de si mesmo, mas de acordo com o processo que você passa de autodescobrimento. Acho que aí se alcança a beleza. Para mim não tem nada a ver com o exterior, mas com o autoconhecimento, que é [adquirido] com o tempo. Percebo que quando era mais novo, eu era mais inseguro com relação  à minha aparência, e conforme o tempo foi passando, que pude refletir sobre isso, adquiri mais autoconfiança”. (Foto: Junior Costa/ Grupert).



Bianca Lopes, 23, estudante: “Acho que é você estar confortável consigo mesmo. É eu estar feliz com o que vejo no espelho. É eu estar confortável da maneira que estou”. (Foto: Ana Clara Neri/ Grupert).



Luiz Gustavo, 19, estudante: “É o que a pessoa considera como belo. Depende de cada ponto de vista. As pessoas têm opiniões diferentes do que é belo e o que não é. Algumas consideram beleza como algo relevante, outras não. Acredito que não existe uma beleza única. A beleza é uma pluralidade cultural, cada um tem seu senso de beleza. Beleza são atos, gestos, várias coisas bonitas que cada um tem para oferecer além da carcaça ”. (Foto: Ana Clara Neri/ Grupert)



Lívia Rodrigues, 20, estudante: “É uma questão de se identificar com aquilo que vê no espelho. O espelho irá refletir o que você é por dentro”. Ana Beatriz Cordeiro, 18, estudante: “Beleza é autoaceitação. Você tem que se aceitar do jeito que você é, porque não depende da sociedade. Estando bem consigo mesmo, feliz consigo mesmo, é beleza”. (Foto: Junior Costai/ Grupert)



Ana Carla, 21, estudante : “Beleza é quando você transborda de amor por si e pelo outro. Beleza é quando você não se satisfaz com a superfície que te convém e, mesmo com medo, mergulha no que acha certo”.(Foto: Junior Costa/ Grupert)



Franciara Campos, 21, estudante: “É mais que o exterior, e sim o interior, e como você se sente e se revela diante das pessoas”. (Foto: Junior Costa/Grupert)



Eweron Matheus (à esquerda), 24, auxiliar de retífica: “Está bem além do que estamos acostumados, que é o físico. Para mim [beleza] é como alguém te trata, acima de tudo com respeito”. Ewerton Matheus (à direita), 21, estudante: “Beleza é algo bem pessoal. Não é só a estética, mas é a personalidade e o caráter da pessoa, o que pode ser atraente por si só, ou seja, uma beleza própria”. (Foto: Ana Clara Neri/ Grupert)


Nenhum comentário